Palavras amaldiçoadas que jamais devem ser faladas dentro de casa

As palavras possuem um poder significativo. É por isso que é importante estar atento ao que dizemos, especialmente em nosso próprio lar, onde passamos a maior parte de nossas vidas e onde residem as pessoas mais importantes para nós. Evitar expressões que atraem energias negativas é tão crucial quanto cultivar positividade.

Aqui está uma lista de palavras que devemos evitar a todo custo dentro de casa:

“Desgraça” -> Carrega consigo escuridão, infortúnio e ausência do Divino.
“Merda” -> Invoca decadência, sujeira e adversidades.
“Filho da p.” -> Provoca ódios e conflitos familiares.
“Maldito” -> Lança pragas e manifesta maldições.

“Burro/Idiota” -> Devem ser evitadas especialmente quando se trata de crianças e filhos.
“Miserável” -> Descreve falta, indigência, pobreza e escassez.
“Danado” -> Em sua essência, significa condenado, sofredor e mal-intencionado. Chamar alguém de “danado” é amaldiçoar a pessoa, pois a palavra significa “condenado ao inferno”.
A Bíblia nos ensina que o povo de Deus sofre por falta de conhecimento. Portanto, é necessário compartilhar esse conhecimento para que as pessoas não profiram maldições, nem sobre si mesmas nem sobre os outros.

Dentro de casa, é importante expressar essas 10 coisas: “Bom Dia”, “Boa Tarde”, “Boa Noite”, “Por Favor”, “Com Licença”, “Me Desculpe”, “Me Perdoe”, “Muito Obrigado”, “Grato” e “Errei”. Afinal, na escola aprendemos conhecimento, mas em casa devemos aprender: 01 – Ser honesto, 02 – Ser pontual, 03 – Não ofender, 04 – Ser solidário, 05 – Respeitar a todos: amigos, colegas, idosos, professores e autoridades.

Com um ambiente saudável no lar, a vida floresce, tanto dentro quanto fora das paredes de nossa casa.