Saiba quais os 10 sinais de câncer no ovário que nenhuma mulher deve ignorar

O câncer de ovário é uma doença que mata milhões de mulheres todos os anos. Ele é conhecido como “assassino silencioso” porque muitas vezes não apresenta sintomas visíveis em seus estágios iniciais. Por isso, é importante que as mulheres realizem exames regularmente para que o diagnóstico seja o mais cedo possível.

Existem alguns sinais que não devem ser ignorados de jeito nenhum. Veja quais são:

  • Dor na bacia e abdômen: se você sente dor na pélvis ou no estômago frequentemente, isso pode indicar a presença de um câncer no ovário.
  • Dores nas costas: se a dor nas costas não for consequência de problemas em suas articulações ou de osteoporose, é aconselhável que você vá ao médico, pois só ele pode fazer o diagnóstico correto.
  • Ciclos menstruais irregulares: se o seu ciclo menstrual estiver muito desregulado, procure um especialista. O câncer pode surgir antes mesmo do primeiro ciclo menstrual.
  • Cansaço frequente: se você sente muita indisposição, tonturas, falta de apetite, fadiga extrema e náuseas, esses sintomas podem estar relacionados com a doença.
  • Sensação de gases: a sensação de ter alguns problemas digestivos pode ser um dos indícios dessa doença.
  • Incômodo durante o ato sexual: dores durante a relação íntima são um forte sinal e um dos primeiros sintomas que a mulher apresenta quando desenvolveu o câncer de ovário. Além disso, pode haver um aumento da vontade de urinar, juntamente com uma intensa pressão na região pélvica.
  • Vômitos: além dos vômitos, essa doença também pode causar náuseas e perda de peso sem motivo aparente.
  • Estômago inchado: se você notou que sua barriga está ficando inchada, parecendo com a de uma grávida, vá ao médico para realizar exames.
  • Prisão de ventre: essa doença silenciosa afeta fortemente o sistema digestivo, especialmente em seu estágio inicial. Com consequência, vêm as dores no estômago, falta de apetite, problemas na digestão e gases.
  • Crescimento excessivo de pelos ou queda intensa de cabelo: embora não sejam os sinais mais frequentes do câncer de ovário, não podem ser ignorados. Muitas mulheres, em vez da queda de cabelo, podem apresentar um crescimento anormal dos pelos.