Avó cobra R$ 60 por hora, para cuidar do neto, quando a filha sai para trabalhar:”Tenho a minha vida, e não sou uma creche”

A situação gerou debates entre os internautas, e alguns deles consideram a atitude da senhora equivocada.

Uma postagem feita por uma avó da Nova Zelândia nas redes sociais está ganhando destaque mundial. As palavras dessa mulher, uma empresária aposentada, têm sido alvo de debates, e muitos consideram sua posição equivocada.

Ela afirmou cobrar cerca de R$ 60 por hora para cuidar de seu neto de um ano. Ela explicou que o valor foi acordado com sua filha e que, apesar de amar muito o neto, ela também tem uma vida social. “Eu amo meu neto. Mas, como eu expliquei, não sou uma creche”, brincou.

“A minha filha tem 29 anos, tem um filho de um ano e em breve voltará ao trabalho. Ela trabalha cinco dias por semana, cerca de sete a oito horas por dia, e me perguntou se eu poderia cuidar do meu neto por dois ou três dias por semana”, disse a idosa. “Eu tenho a minha própria vida e trabalho, e acho que ela deveria entender que estou abrindo mão do meu tempo de trabalho”, completou.

A aposentada revelou que recebeu muitas críticas por sua decisão de cobrar pelos cuidados com os netos. Muitas pessoas a chamaram de irracional e gananciosa. No entanto, ela não se importa com as críticas e afirmou que já fez o suficiente ao criar seus próprios filhos.

As reações dos internautas foram diversas. Alguns comentaram que essa avó não é de fato uma avó. Outros expressaram pena por não terem mais suas mães, mas afirmaram que se elas estivessem vivas, cuidariam de seus netos por amor, não por dinheiro. Houve também quem concordasse com a avó, destacando que há muitas pessoas que têm filhos e deixam a responsabilidade de cuidar deles apenas para os avós, enquanto eles se divertem.