Jovem perde a vida depois de se engasgar com um alimento muito consumido no dia a dia de diversos brasileiros e o caso gera alerta

Nesta última terça-feira, dia 27 de junho, uma tragédia ocorreu quando uma adolescente de 17 anos perdeu a vida após engasgar com um pedaço de mexerica. O incidente aconteceu em Pontalina, Goiás.

Os familiares de Gabriela Vieira da Silva tentaram levá-la para uma unidade de saúde, mas infelizmente a jovem não conseguiu resistir e foi declarada falecida.

Gabriela chegou ao hospital já sem sinais vitais. Ela estava prestes a completar 18 anos em 27 de julho.

A Câmara Municipal de Pontalina emitiu uma nota oficial lamentando a morte da jovem. “Nos solidarizamos com familiares e amigos, desejando que encontrem força e conforto para enfrentar e superar esse momento de perda”, expressaram eles, lamentando a partida precoce da adolescente.

Infelizmente, mortes por engasgo são um acontecimento comum no Brasil. Por essa razão, é crucial estar sempre atento e tomar cuidado ao mastigar os alimentos.

A maioria dessas tragédias ocorre em crianças, por isso é essencial ficar de olho nos pequenos e no que eles colocam em suas bocas.

Para prevenir engasgos, é importante cortar os alimentos em pedaços pequenos e evitar alimentos muito duros, como pipoca, uvas e cenouras. Além disso, é fundamental evitar falar e mastigar ao mesmo tempo.