Como cultivar e cuidados a ter com a planta Pacová

Se você gosta de plantas decorativas, provavelmente já deve conhecer a planta Pacová. Ela é uma das queridinhas entre aqueles que cultivam e gostam desse item decorativo em sua residência. Caso você esteja prestes a adotá-la, é necessário conhecer os cuidados e as principais dicas para o seu cultivo. De toda sorte, criamos esse texto para falar um pouco mais sobre como cultivar e cuidar da planta Pacová.

Sendo assim, para não perder nenhuma das nossas dicas, continue lendo o texto abaixo e confira tudo que nós reunimos sobre o tema.

Sobre a planta Pacová

A planta Pacová possui folhas grandes, verdes, viçosas, lisas e exuberantes. Também conhecida por nomes como babosa-de-árvore e babosa-de-pau, encanta a todos que entrarem no ambiente que ela está sendo usada para ornamentar. O nome científico dessa planta é Philodendron Martianum E trata-se de uma espécie totalmente nativa do nosso país. Sendo assim, é bastante simples cultivá-la no Brasil.

Suas inflorescências acabam se assemelhando com as inflorescências do antúrio. Porém, não é utilizada na ornamentação, uma vez que são pequenas e tendem a ficar sob a longa folha que prende a atenção das pessoas.

Guia de cuidados

Após conhecer um pouco mais sobre a planta Pacová, você precisa entender todos os cuidados que giram em torno do seu cultivo. Listamos alguns de grande importância e que serão fundamentais para manter a vida e a exuberância dessa planta. Abaixo, confira quais são:

Cuidados com as regas

Por ser uma planta adaptada ao clima tropical, você deve ter bastante cuidado nas regas, uma vez que não há necessidade de tanta frequência. Além disso, você não deve encharcar o solo, visto que o caule dessa planta leva determinado tempo para absorver toda a água presente no solo. O ideal é manter uma frequência de regas de 1 vez na semana.

Isso é o bastante para manter a saúde e a beleza do Pacová. Cuidados com a temperatura. Como dito anteriormente, o Pacová é uma planta tropical e nativa do Brasil. Sendo assim, o seu desenvolvimento ocorre de maneira mais acentuada nos climas úmidos e quentes. Logo, a região centro-oeste do país é uma das mais indicadas para o cultivo do Pacová, especialmente a região mais próxima da Mata Atlântica e da Amazônia.

Cuidados com a luminosidade

O Pacová é uma planta que se adequa melhor à meia sombra, logo, se você tem interesse em plantá-la no seu quintal, escolha um local debaixo de uma árvore ou que não fique o dia inteiro sob o sol.

Cuidados com a adubação

Quanto à adubação, não há necessidade de adubar com frequência o Pacová. O indicado é no máximo três vezes por ano. Você pode adicionar uma pequena quantidade de húmus de minhoca e também o adubo NPK 10-10-10. Isso será suficiente para o desenvolvimento da planta. Com isso, chegamos ao fim do nosso texto sobre os cuidados com a planta da curva. Sendo assim, para continuar conhecendo cuidados sobre plantas, mantenha-se antenado em todas as novidades do nosso site.